quinta-feira, dezembro 07, 2006

Minas

Com a desactivação das minas de Aljustrel, esta "habitante" instalou-se em cima do equipamento de um dos antigos pontos de extracção. Felizmente (para ela) que apesar da noticia da retoma da laboração até ao final deste ano, a zona do complexo onde vive só já serve de museu. Aljustrel, 13 de Maio de 2006. (Foto: Nuno Veiga)

2 comentários:

Lupor disse...

sejas bem aparecido cavalheiro!
... e no entretanto este "Cá do Alentejo" é nomeado para dedo de ouro, ena!

Xplink disse...

Obrigado a todos!